Blog

VOCÊ SABE COMO HIGIENIZAR CORRETAMENTE O CINTURÃO DE SEGURANÇA?

voltar09/06/2023

O trabalho em altura é uma atividade que requer atenção e cuidados para garantir a segurança dos trabalhadores. E dentre os Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) essenciais nessa área, o cinturão de segurança desempenha um papel fundamental na prevenção de acidentes. Mas, para manter sua eficácia, além de estar dentro do prazo de validade, ele também precisa estar em boas condições de uso.

Durante o trabalho, o cinturão pode acumular suor, poeira, óleos e outras substâncias que comprometem sua eficácia. Além disso, a falta de limpeza pode contribuir para o surgimento de fungos, bactérias e odores desagradáveis.

Por isso, é fundamental a higienização adequada do equipamento e ter as melhores práticas de conservação, já que a sua durabilidade, desempenho e, principalmente, a segurança do trabalhador também depende do estado do equipamento.

Leia também o nosso artigo sobre as diferenças em prazo de validade e vida útil.

6 PASSOS PARA AUMENTAR A VIDA ÚTIL DO CINTURÃO

Como falamos, a vida útil de cada cinturão varia conforme o seu uso e conservação. Por isso, trouxemos seis dicas para manter o seu equipamento sempre conservado enquanto durar o seu prazo de validade:

1. Verifique as instruções do fabricante

Antes de iniciar a higienização do cinturão de segurança, é essencial ler atentamente as instruções fornecidas pelo fabricante. Cada modelo pode ter recomendações específicas, e seguir essas orientações é fundamental para garantir a correta limpeza e não comprometer as características do equipamento.

Aqui na Carbografite, cada cinturão vem com um manual que traz todas as informações sobre as formas corretas de higienização e armazenamento de cada modelo. Essas informações também estão disponíveis no site, basta acessar o produto e, em seguida, a sua ficha técnica. Como este exemplo do cinturão CG 770EP.

2. Inspeção visual

Antes de iniciar o processo de higienização, faça uma inspeção visual do cinturão de segurança. Verifique se há danos, desgaste excessivo ou qualquer irregularidade que possa comprometer sua eficácia. Caso seja identificado algum problema, entre em contato com o fornecedor ou fabricante para avaliação e substituição adequada.

3. Remoção de sujeira superficial

Para remover a sujeira superficial, utilize uma escova de cerdas macias ou um pano úmido. Evite o uso de produtos químicos abrasivos, pois eles podem danificar o material do cinturão. Se necessário, utilize água morna e sabão neutro para ajudar na limpeza, mas lembre-se de enxaguar bem para remover qualquer resíduo de sabão.

4. Secagem adequada

Após a limpeza, é importante secar completamente o cinturão de segurança antes de guardá-lo. A umidade pode favorecer o crescimento de fungos e bactérias, além de comprometer a integridade do material. Deixe o equipamento em um local seco e arejado, fora do alcance do sol.

5. Armazenamento adequado

O armazenamento adequado também é essencial para garantir a durabilidade do cinturão de segurança. Guarde-o em um local limpo e seco, longe de produtos químicos ou materiais que possam danificar o equipamento. Evite dobrar o cinturão de maneira irregular, pois isso pode comprometer suas propriedades estruturais. Se possível, utilize uma bolsa adequada para armazenar o cinturão, protegendo-o de poeira e umidade.

6. Verificação periódica

Além da higienização regular, é importante realizar verificações periódicas no cinturão de segurança. Verifique se as costuras estão intactas, se os fechos estão funcionando corretamente e se não há sinais de desgaste excessivo. Essas inspeções ajudarão a identificar possíveis problemas de maneira antecipada, garantindo a segurança durante o trabalho em altura.

Vale lembrar que é importante seguir sempre as orientações do fabricante. Removendo a sujeira superficial, secando adequadamente e armazenando corretamente, é possível prolongar a vida útil do equipamento e prevenir o acúmulo de bactérias e fungos nos cinturões. Além disso, realizar verificações periódicas ajudará a identificar problemas antecipadamente. Lembre-se sempre de priorizar a segurança e adotar boas práticas de higiene para manter o cinturão de segurança em perfeito estado.

Comentários

Este site armazena cookies em seu computador. Esses cookies são usados para coletar informações sobre como você interage com nosso site e nos permite lembrar de você. Usamos essas informações para melhorar e personalizar sua experiência e para análises e métricas sobre nossos visitantes, tanto nesse site quanto em outras mídias. Ao utilizar nosso site você concorda com a nossa Política de Privacidade.

(24) 2222 9900

www.carbografite.com.br
sac@carbografite.com.br

Carbografite Equipamentos Industriais LTDA

Estrada União e Indústria, 15.500 - Petrópolis - RJ

CEP: 25.750-226 - CNPJ: 36.427.615/0001- 46

Newsletter